Aqui onde a vida dobra a esquina, a gente se fala... e se refugia do desinteressante...
Porque tudo é uma questão de opção. Assim podemos ser cidadãos do mundo, carregando sóis gelados e luas coloridas. Podemos ter olhos para o bem estar alheio e estocar imensos pacotes de riso fresco. Não se iludir... mas fantasiar. Ser um sim dos momentos vagos, um enorme talvez das possibilidades. Enxergar tudo que gostamos e "passar batido" pelo que não apreciamos. Ser de empréstimo, de "por acaso", eternos olás de distribuição gratuíta ou pequenos adeuses restritos... Ser um moinho de vento. Até quem sabe, e por que não, o último biscoito do pacote?

15 de ago de 2011

DIA DOS PAIS

Ontem foi um domingo bastante lindo e agitado, comemorando com meu pai seu dia, seu aniversário, o aniversário de meu filho, e de minha irmã também e não pude postar minha homenagem aos demais pais desse mundão de meu Deus, então, deixo aqui o video de uma das mais bonitas homenagens que já vi/ouvi para esses queridos homens: